15/10/2012

Uniformes Japoneses


Quem nunca sonhou em ir pra escola com um uniforme japonês? Otakus femininas com certeza já desejaram vestir um assim e ir para a escola com a sua sainha de prega e gravatinha. Umas mais corajosas até vão para suas escolas assim, como em minha escola já vi algumas, mais claro que ganham olhares estranhos de seus colegas e risadinhas de mal gosto.
Nesse post vamos conhecer um pouco sobre a histórias dos Gakurans, que são os uniformes ocidentais.

Boa leitura!


Uma mistura de status e sensualidade.

Os uniformes japoneses que nós brasileiros tanto adoramos, em vários sentidos, já fazem parte do universo dos orientais há bastante tempo, pois é a partir do chugako (ginásio) que todos os estudantes precisam vestir obrigatoriamente o uniforme de sua escola. Mais é no Kouko (colegial) que o uniforme começa a ser visto pelos estudantes como uma expressão de status, desejo e sensualidade.
Estas roupas para os orientais despertam um verdadeiro desejo, já que são através deles que podemos identificar quais são os japoneses que estão nas melhores escolas do Japão. Afinal, estamos falando de um país que enfatiza tanto a educação que ela já é vista como uma forma de ascensão social. Ou seja, se você está usando o uniforme de uma das melhores escolas do Japão, é sinal que provavelmente passará em uma das melhores universidades e acabará trabalhando em uma das grandes multinacionais de renome no país.
Depois da época da escola, os uniformes estarão sempre presentes na vida dos japoneses, seja no escritório, numa multinacional, em uma loja ou fábrica, até chegar a sua aposentaria quando o uniforme é posto de lado, Mas há casos em que mesmo depois de aposentadas as pessoas continuam levando os seus negócios, ou seja, alguns japoneses nunca irão aposentar seus "amados" uniformes. 

Da era Menji até hoje: foi na Era Meiji, no século XIX, quando o país investia pesado na sua modernização, que os uniformes japoneses começaram ser de uso obrigatório entre os estudantes; seguindo, é claro, o padrão ocidental. Este padrão ocidental pode ser visto até hoje nos uniformes chamados Gakuran (algo como uniforme de estudante ocidental).

As inspirações: o traje masculino foi inspirado na farda do exército da Prússia, já o clássico uniforme de marinheiro das colegiais (chamado de Seirafuku), foi inspirado na Marinha Real Britânica e só apareceu por volta de 1921. Foi só depois da Segunda Guerra Mundial que o estilo marinheiro se popularizou, ficando apenas uma camisa com lapela, um laço na camisa e uma saia básica com pregas. As cores também seguem um padrão até hoje, não fugindo muito dos tons de azul, branco, cinza, preto, verde claro e xadrez para as saias. As composições das peças também não são novidade, já que foi inspirado fortemente nas escolas religiosas do ocidente e adotado em escolas particulares no ano de 1980. Ou seja, nesta composição de peças teremos o Burêzakata (blazer) com o brasão da escola bordado em um dos bolsos, as calças sociais, as camisas brancas com gravatas e as famosas saias com pregas estampadas em xadrez. Não podemos esquecer que os tecidos também variam conforme as estações do ano, sendo que no inverno podemos ver os estudantes com casacos, camisas de mangás longas, mas, no caso das colegiais, de saia. Comentários à parte, é muita coragem sair de pernas de fora no inverno japonês em que as temperaturas chegam a baixo de zero e ainda por cima neva.

 E aqui no brasil: Nós brasileiros conhecemos muito bem os uniformes japoneses, tudo graças aos animês e mangás, nós podemos ver milhares de estudantes desfilando poses malvadas e esbanjando sensualidade em trajes escolares customizados. O que dizer dos estudantes do animê/Mangá Tenjho Tenge, em que os meninos usam o estilo clássico de uniformes, o Gakuran, conseguindo passar para o leitor toda pose e estilo de um estudante barra pesada. Já os uniformes femininos são um paraíso à parte para os meninos. Personagens como as guerreiras de Sailor Moon, só aumentaram o fetiche sobre os famosos uniformes escolares ao estilo marinheiro.

Créditos: Neo Tokio Nº 56

Um comentário:

  1. Flor, já dei seus créditos, desculpe eu esqueci... Sou contra plágio, me esqueci mesmo... Pode lá ver:

    http://mangakaimangaka.blogspot.com.br/2012/10/a-verdade-sobre-os-uniformes-japoneses.html

    Kisses =^_^=

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Fan Page!

Search

Fa�a Parte!

Marcadores

Matérias (23) Japão (21) Estilos (8) FYou (5) Aulas (4) Curiosidades (3) Notícias (3) Aprender (2) Aula (2) Coreia (2) Dicas (2) Fotos (2) Hiragana (2) Japonês (2) Kanji (2) Katakana (2) Nirongo (2) Online (2) Outros (2) Sensei (2) Animes (1) Criaturas (1) Tutoriais (1)
Tecnologia do Blogger.